Ministro da Justiça decide trocar comandos da PF e da PRF

Por Redação Imparcial
COMPARTILHAR:
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter

Mudanças promovidas por Anderson Torres têm o aval do presidente Jair Bolsonaro

Empossado na manhã desta terça-feira (6), o novo ministro da Justiça, Anderson Torres, decidiu trocar os comandos da Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Veja também 
PRF persegue motorista na BR-060, no DF

Nesta terça-feira (6) por auxiliares próximos ao ministro. Segundo essas fontes, Torres teve o aval do presidente Jair Bolsonaro para fazer a troca.

O atual chefe da Polícia Federal é Rolando Alexandre, que está no cargo desde maio do ano passado. Ele assumiu logo após a saída de Sergio Moro.

Na PRF, o atual comandante é Eduardo Aggio, que também deixará a pasta após cerca de um ano.

Torres, que é delegado da Polícia Federal de carreira, ainda não revelou a auxiliares os nomes dos substitutos de Rolando Alexandre e de Eduardo Aggio.

Torres foi um dos seis ministros empossados por Bolsonaro em cerimônia no Palácio do Planalto.

A PF e a PRF são os dois principais órgãos vinculados ao Ministério da Justiça.

Mais notícias dessa categoria acesse Imparcial Política

Com informações da CNN Brasil