VÍDEO: preso suspeito de atacar ex com chave de fenda em Águas Lindas de Goiás

COMPARTILHAR:
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter

Um homem de 41 anos, flagrado ao tentar matar a ex-companheira com golpes de chave de fenda, foi preso pela Polícia Civil nesta quarta-feira (14). O crime ocorreu na manhã do dia 4 de outubro, dentro de um centro clínico, no Setor Hospitalar Sul, em Brasília.

O delegado que investiga o caso, Marcelo Portela, da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), informou que o suspeito invadiu a clínica onde a ex-companheira trabalha como auxiliar de serviço gerais. Com a ferramenta, o homem golpeou a vítima diversas vezes no rosto e no tórax e, em seguida, fugiu do local.

Veja Também
Motociclista arremessado no ar tira selfie logo após acidente

“Ele fugiu em um carro, mas se envolveu em um acidente na Octogonal. O suspeito abandonou o veículo e fugiu a pé. O veículo foi apreendido”, disse o delegado.

A mulher, de 35 anos, também sofreu estocadas na boca, nos dentes e no maxilar, além de ferimentos na cabeça. Ela foi internada no Hospital de Base, passou por cirurgia e recebeu alta. Entretanto, segundo o investigador, precisará passar por mais procedimentos cirúrgicos.

“Como ela manteve luta corporal com o suspeito, conseguiu diminuir a intensidade das agressões. A vítima ficou muito lesionada e teve muita sorte de sobreviver”, frisou.

Continua depois da Publicidade


Agressão filmada

A reportagem teve acesso às câmeras de segurança do centro clínico onde a vítima trabalha. As imagens mostram o momento do ataque. O homem entrou no estabelecimento, derrubou a mulher no chão, deu diversos golpes e fugiu.

As agressões acontecem no corredor do prédio. O relógio da câmera de segurança indica que o crime aconteceu às 6h27, e toda a ação dura cerca de um minuto. Durante o crime, ninguém apareceu para ajudar a vítima.

Optamos por congelar o vídeo no momento em que a vítima é atingida, por se tratar de imagens fortes.

Tentativa de feminicídio
O suspeito se apresentou na delegacia na terça-feira (13), dois dias após o crime, porém, como não havia mandado de prisão em aberto, foi liberado. Apenas na quarta-feira, a Justiça decidiu decretar a prisão preventiva do agressor.

O homem foi preso no assentamento 26 de Setembro, em Taguatinga, na casa dos pais.

Veja Também
A VIRADA! Pesquisa Big Data Águas Lindas mostra Dr. Lucas 1 ponto a frente de Túllio

Aos investigadores, a vítima, que mora em Águas Lindas de Goiás, contou que o ex-companheiro não aceitava o término do namoro. O casal ficou junto por sete anos e estava separado há 10 meses. Eles não tem filhos.

Veja o Vídeo

 

Mais notícias dessa região acesse Imparcial Entorno DF

Com informações do G1